Pristina.org - Everything Design since 2005

As Esculturas de Romain Langlois ArteFelipe Tofani on 22/06/2016

Usando da petrificação para criar esculturas com Romain Langlois
Romain Langlois é um artista contemporâneo auto-didata baseado em La Côte Martin, na França. É de lá que ele trabalha com esculturas que manipulam os elementos naturais. Esculturas essas que usam do bronze para questionar e alterar a percepção que temos da vida, da morte e do mundo ao nosso redor. O artista usado de métodos complexos para controlar a petrificação rápida e a cristalização de madeira e outros materiais e é assim que ele acaba alterando a forma com a qual vemos as coisas.

Quando você se depara com o trabalho de esculturas do francês Romain Langlois, fica difícil entender o que ele realmente está fazendo. Afinal, ele usa de elementos naturais para questionar e alterar a percepção que temos da vida e dos objetos que nos cercam. E ele faz isso com tamanha maestria que me deixou um pouco confuso em relação ao que ele realmente faz.

Romain Langlois é um artista contemporâneo autodidata baseado em La Côte Martin, na França. É de lá que ele trabalha com esculturas que manipulam os elementos naturais. Esculturas essas que usam do bronze para questionar e alterar a percepção que temos da vida, da morte e do mundo ao nosso redor. O artista usado de métodos complexos para controlar a petrificação rápida e a cristalização de madeira e outros materiais e é assim que ele acaba alterando a forma com a qual vemos as coisas.

Romain Langlois é um artista contemporâneo auto-didata baseado em La Côte Martin, na França. É de lá que ele trabalha com esculturas que manipulam os elementos naturais. Esculturas essas que usam do bronze para questionar e alterar a percepção que temos da vida, da morte e do mundo ao nosso redor. O artista usado de métodos complexos para controlar a petrificação rápida e a cristalização de madeira e outros materiais e é assim que ele acaba alterando a forma com a qual vemos as coisas.
Romain Langlois é um artista contemporâneo auto-didata baseado em La Côte Martin, na França. É de lá que ele trabalha com esculturas que manipulam os elementos naturais. Esculturas essas que usam do bronze para questionar e alterar a percepção que temos da vida, da morte e do mundo ao nosso redor. O artista usado de métodos complexos para controlar a petrificação rápida e a cristalização de madeira e outros materiais e é assim que ele acaba alterando a forma com a qual vemos as coisas.
Romain Langlois é um artista contemporâneo auto-didata baseado em La Côte Martin, na França. É de lá que ele trabalha com esculturas que manipulam os elementos naturais. Esculturas essas que usam do bronze para questionar e alterar a percepção que temos da vida, da morte e do mundo ao nosso redor. O artista usado de métodos complexos para controlar a petrificação rápida e a cristalização de madeira e outros materiais e é assim que ele acaba alterando a forma com a qual vemos as coisas.
Romain Langlois é um artista contemporâneo auto-didata baseado em La Côte Martin, na França. É de lá que ele trabalha com esculturas que manipulam os elementos naturais. Esculturas essas que usam do bronze para questionar e alterar a percepção que temos da vida, da morte e do mundo ao nosso redor. O artista usado de métodos complexos para controlar a petrificação rápida e a cristalização de madeira e outros materiais e é assim que ele acaba alterando a forma com a qual vemos as coisas.
Romain Langlois é um artista contemporâneo auto-didata baseado em La Côte Martin, na França. É de lá que ele trabalha com esculturas que manipulam os elementos naturais. Esculturas essas que usam do bronze para questionar e alterar a percepção que temos da vida, da morte e do mundo ao nosso redor. O artista usado de métodos complexos para controlar a petrificação rápida e a cristalização de madeira e outros materiais e é assim que ele acaba alterando a forma com a qual vemos as coisas.
Romain Langlois é um artista contemporâneo auto-didata baseado em La Côte Martin, na França. É de lá que ele trabalha com esculturas que manipulam os elementos naturais. Esculturas essas que usam do bronze para questionar e alterar a percepção que temos da vida, da morte e do mundo ao nosso redor. O artista usado de métodos complexos para controlar a petrificação rápida e a cristalização de madeira e outros materiais e é assim que ele acaba alterando a forma com a qual vemos as coisas.
Romain Langlois é um artista contemporâneo auto-didata baseado em La Côte Martin, na França. É de lá que ele trabalha com esculturas que manipulam os elementos naturais. Esculturas essas que usam do bronze para questionar e alterar a percepção que temos da vida, da morte e do mundo ao nosso redor. O artista usado de métodos complexos para controlar a petrificação rápida e a cristalização de madeira e outros materiais e é assim que ele acaba alterando a forma com a qual vemos as coisas.
Romain Langlois é um artista contemporâneo auto-didata baseado em La Côte Martin, na França. É de lá que ele trabalha com esculturas que manipulam os elementos naturais. Esculturas essas que usam do bronze para questionar e alterar a percepção que temos da vida, da morte e do mundo ao nosso redor. O artista usado de métodos complexos para controlar a petrificação rápida e a cristalização de madeira e outros materiais e é assim que ele acaba alterando a forma com a qual vemos as coisas.
Romain Langlois é um artista contemporâneo auto-didata baseado em La Côte Martin, na França. É de lá que ele trabalha com esculturas que manipulam os elementos naturais. Esculturas essas que usam do bronze para questionar e alterar a percepção que temos da vida, da morte e do mundo ao nosso redor. O artista usado de métodos complexos para controlar a petrificação rápida e a cristalização de madeira e outros materiais e é assim que ele acaba alterando a forma com a qual vemos as coisas.
Romain Langlois é um artista contemporâneo auto-didata baseado em La Côte Martin, na França. É de lá que ele trabalha com esculturas que manipulam os elementos naturais. Esculturas essas que usam do bronze para questionar e alterar a percepção que temos da vida, da morte e do mundo ao nosso redor. O artista usado de métodos complexos para controlar a petrificação rápida e a cristalização de madeira e outros materiais e é assim que ele acaba alterando a forma com a qual vemos as coisas.

Se você gostou do trabalho de esculturas do francês Romain Langlois, aproveite para ver mais da sua arte no link logo abaixo.

As Esculturas de Romain Langlois

Comentários

Powered by Facebook Comments

Tagged: , , , , ,