Pristina.org - Everything Design since 2005

Uma Identidade Visual para a Academia de Pesquisa Espacial de Zambia DesignFelipe Tofani on 21/05/2017

Usando do design para transformar um sonho em algo real
Foi em 1964 que o professor de ciências Edward Nkoloso acabou criando a Academia de Pesquisa Espacial de Zambia. O programa era simples e incluia exercícios onde um futuro astronauta seria lançado ladeira abaixo dentro de um galão de óleo de quarenta litros e balanços que simulariam a falta de gravidade. Com esses exercícios em mente, Edward Nkoloso dizia que Zambia chegaria ao espaço antes dos Estados Unidos e da União Soviética e faria isso tudo ainda em 1964. Mas, claro que, isso não deu certo.

Foi em 1964 que o professor de ciências Edward Nkoloso acabou criando a Academia de Pesquisa Espacial de Zambia. O programa era simples e incluia exercícios onde um futuro astronauta seria lançado ladeira abaixo dentro de um galão de óleo de quarenta litros e balanços que simulariam a falta de gravidade. Com esses exercícios em mente, Edward Nkoloso dizia que Zambia chegaria ao espaço antes dos Estados Unidos e da União Soviética e faria isso tudo ainda em 1964. Mas, claro que, isso não deu certo.

Mas, poderíamos usar do design para transformar os sonhos de um professor de ciências no meio do Zambia em algo real? Poderíamos usar do design para transformar a Academia de Pesquisa Espacial de Zambia em crível? Esse foi o objetivo do designer dinamarquês Daniel Siim e as imagens que você vai ver aqui mostram como ele desenvolveu todo o projeto de identidade visual da Academia de Pesquisa Espacial de Zambia.

Todo o trabalho de Daniel Siim envolveu usar dos clichês e das tradições visuais de outras agências espaciais pelo mundo. Foi assim que o designer resolveu tratar esse projeto, com confiança visual mas fundação questionável. Foi assim que nasceu a Academia de Pesquisa Espacial de Zambia, conhecida pela sigla ZASR. Todo o material criado foi pensado para passar uma sensação de autenticidade, dos uniformes usados por seres humanos e gatos até as naves espaciais.

Foi em 1964 que o professor de ciências Edward Nkoloso acabou criando a Academia de Pesquisa Espacial de Zambia. O programa era simples e incluia exercícios onde um futuro astronauta seria lançado ladeira abaixo dentro de um galão de óleo de quarenta litros e balanços que simulariam a falta de gravidade. Com esses exercícios em mente, Edward Nkoloso dizia que Zambia chegaria ao espaço antes dos Estados Unidos e da União Soviética e faria isso tudo ainda em 1964. Mas, claro que, isso não deu certo.

Foi em 1964 que o professor de ciências Edward Nkoloso acabou criando a Academia de Pesquisa Espacial de Zambia. O programa era simples e incluia exercícios onde um futuro astronauta seria lançado ladeira abaixo dentro de um galão de óleo de quarenta litros e balanços que simulariam a falta de gravidade. Com esses exercícios em mente, Edward Nkoloso dizia que Zambia chegaria ao espaço antes dos Estados Unidos e da União Soviética e faria isso tudo ainda em 1964. Mas, claro que, isso não deu certo.

Foi em 1964 que o professor de ciências Edward Nkoloso acabou criando a Academia de Pesquisa Espacial de Zambia. O programa era simples e incluia exercícios onde um futuro astronauta seria lançado ladeira abaixo dentro de um galão de óleo de quarenta litros e balanços que simulariam a falta de gravidade. Com esses exercícios em mente, Edward Nkoloso dizia que Zambia chegaria ao espaço antes dos Estados Unidos e da União Soviética e faria isso tudo ainda em 1964. Mas, claro que, isso não deu certo.

In 1964, a Zambian grade-school science teacher by the name of Edward Nkoloso single-handedly, and unilaterally, created a space program for his country. The program involved rolling aspiring astronauts down a hill in a 40-gallon oil drum and clipping their rope-swings at the height of their arc to simulate weightlessness. He claimed his country would not only beat both the USSR and USA to the moon, but do it within the year. Nkoloso’s space plans included sending a 16 year old girl, two cats and a missionary to Mars, by launching them from a catapult at the far side of the Moon.

Foi em 1964 que o professor de ciências Edward Nkoloso acabou criando a Academia de Pesquisa Espacial de Zambia. O programa era simples e incluia exercícios onde um futuro astronauta seria lançado ladeira abaixo dentro de um galão de óleo de quarenta litros e balanços que simulariam a falta de gravidade. Com esses exercícios em mente, Edward Nkoloso dizia que Zambia chegaria ao espaço antes dos Estados Unidos e da União Soviética e faria isso tudo ainda em 1964. Mas, claro que, isso não deu certo.

Foi em 1964 que o professor de ciências Edward Nkoloso acabou criando a Academia de Pesquisa Espacial de Zambia. O programa era simples e incluia exercícios onde um futuro astronauta seria lançado ladeira abaixo dentro de um galão de óleo de quarenta litros e balanços que simulariam a falta de gravidade. Com esses exercícios em mente, Edward Nkoloso dizia que Zambia chegaria ao espaço antes dos Estados Unidos e da União Soviética e faria isso tudo ainda em 1964. Mas, claro que, isso não deu certo.

Foi em 1964 que o professor de ciências Edward Nkoloso acabou criando a Academia de Pesquisa Espacial de Zambia. O programa era simples e incluia exercícios onde um futuro astronauta seria lançado ladeira abaixo dentro de um galão de óleo de quarenta litros e balanços que simulariam a falta de gravidade. Com esses exercícios em mente, Edward Nkoloso dizia que Zambia chegaria ao espaço antes dos Estados Unidos e da União Soviética e faria isso tudo ainda em 1964. Mas, claro que, isso não deu certo.

Foi em 1964 que o professor de ciências Edward Nkoloso acabou criando a Academia de Pesquisa Espacial de Zambia. O programa era simples e incluia exercícios onde um futuro astronauta seria lançado ladeira abaixo dentro de um galão de óleo de quarenta litros e balanços que simulariam a falta de gravidade. Com esses exercícios em mente, Edward Nkoloso dizia que Zambia chegaria ao espaço antes dos Estados Unidos e da União Soviética e faria isso tudo ainda em 1964. Mas, claro que, isso não deu certo.

Foi em 1964 que o professor de ciências Edward Nkoloso acabou criando a Academia de Pesquisa Espacial de Zambia. O programa era simples e incluia exercícios onde um futuro astronauta seria lançado ladeira abaixo dentro de um galão de óleo de quarenta litros e balanços que simulariam a falta de gravidade. Com esses exercícios em mente, Edward Nkoloso dizia que Zambia chegaria ao espaço antes dos Estados Unidos e da União Soviética e faria isso tudo ainda em 1964. Mas, claro que, isso não deu certo.

Is it possible through design to manipulate a unlikely concept to appear more credible? A research project on brand exposure stated that the feeling of familiarity is often mistankly interpreted as indicating that a made-up brand exists. In this specific case, Nkoloso’s space agency has been brougth to life as the Zambia Academy of Space Research (ZASR). By exploring typical space agency traditions and clichés, this project aims to appear trustworthy in design, but questionable in its foundation. And it that sense, everything has been designed with the same authenticity, from spacecrafts to space-cats. Mr. Edward Nkoloso has been a big inspiration throughout this project. His ambitions and dreams where never limited by the challenging reality that Zambia and many other african nations was (and still are) going through.

Foi em 1964 que o professor de ciências Edward Nkoloso acabou criando a Academia de Pesquisa Espacial de Zambia. O programa era simples e incluia exercícios onde um futuro astronauta seria lançado ladeira abaixo dentro de um galão de óleo de quarenta litros e balanços que simulariam a falta de gravidade. Com esses exercícios em mente, Edward Nkoloso dizia que Zambia chegaria ao espaço antes dos Estados Unidos e da União Soviética e faria isso tudo ainda em 1964. Mas, claro que, isso não deu certo.

Foi em 1964 que o professor de ciências Edward Nkoloso acabou criando a Academia de Pesquisa Espacial de Zambia. O programa era simples e incluia exercícios onde um futuro astronauta seria lançado ladeira abaixo dentro de um galão de óleo de quarenta litros e balanços que simulariam a falta de gravidade. Com esses exercícios em mente, Edward Nkoloso dizia que Zambia chegaria ao espaço antes dos Estados Unidos e da União Soviética e faria isso tudo ainda em 1964. Mas, claro que, isso não deu certo.

Foi em 1964 que o professor de ciências Edward Nkoloso acabou criando a Academia de Pesquisa Espacial de Zambia. O programa era simples e incluia exercícios onde um futuro astronauta seria lançado ladeira abaixo dentro de um galão de óleo de quarenta litros e balanços que simulariam a falta de gravidade. Com esses exercícios em mente, Edward Nkoloso dizia que Zambia chegaria ao espaço antes dos Estados Unidos e da União Soviética e faria isso tudo ainda em 1964. Mas, claro que, isso não deu certo.

Durante todo o processo de criação, Edward Nkoloso serviu como inspiração. Afinal, suas ambições e sonhos nunca foram limitados a realidade cheia de desafios que Zambia vive. Seu objetivo era maior que tudo isso e foi isso que serviu de base para esse projeto de identidade visual de Daniel Siim.

Uma Identidade Visual para a Academia de Pesquisa Espacial de Zambia

Se você gostou do que viu aqui, você deveria seguir o blog no twitter, acompanhar nosso tumblr ou seguir a revista digital do Pristina.org no Flipboard. Além disso, ainda temos nossa newsletter quase semanal.

Comentários

Powered by Facebook Comments

Tagged: , , , , , , , , , ,