Pristina.org - Everything Design since 2005

Straw Camera: Uma Câmera Analógica feita de Milhares de Canudinhos FotografiaFelipe Tofani on 25/02/2017

Usando de mais de 32 Mil canudinhos para criar uma câmera analógica bem diferente
Mick Farrell e Cliff Haynes desenvolveram uma câmera analógica que cria fotografias fragmentadas que me lembram muito o que vejo no pontilhismo. Mas o que mais me chamou a atenção nesse projeto é o fato dessa câmera analógica ser feita de milhares de canudinhos, 32.000 para ser mais preciso.

Mick Farrell e Cliff Haynes desenvolveram uma câmera analógica que cria fotografias fragmentadas que me lembram muito o que vejo no pontilhismo. Mas o que mais me chamou a atenção nesse projeto é o fato dessa câmera analógica ser feita de milhares de canudinhos, 32.000 para ser mais preciso.

Esse projeto de câmera analógica feita de canudinhos surgiu de um interesse mútuo de criar fotografias da forma mais direta possível. Como Mick Farrell e Cliff Haynes já haviam trabalhado antes com câmara estenopeica, a famosa câmera pinhole, eles resolveram usar o que aprenderam para fazer algo um pouco diferente e bem mais complexo. No lugar de criar uma imagem produzida de apenas um ponto de perspectiva, cada canudinho captura e coleta a luz apenas na sua pequena área de superfície. Criando assim uma fotografia bem diferente daquela que estamos acostumados a ver.

Mick Farrell e Cliff Haynes desenvolveram uma câmera analógica que cria fotografias fragmentadas que me lembram muito o que vejo no pontilhismo. Mas o que mais me chamou a atenção nesse projeto é o fato dessa câmera analógica ser feita de milhares de canudinhos, 32.000 para ser mais preciso.

Mick Farrell e Cliff Haynes desenvolveram uma câmera analógica que cria fotografias fragmentadas que me lembram muito o que vejo no pontilhismo. Mas o que mais me chamou a atenção nesse projeto é o fato dessa câmera analógica ser feita de milhares de canudinhos, 32.000 para ser mais preciso.

Mick Farrell e Cliff Haynes desenvolveram uma câmera analógica que cria fotografias fragmentadas que me lembram muito o que vejo no pontilhismo. Mas o que mais me chamou a atenção nesse projeto é o fato dessa câmera analógica ser feita de milhares de canudinhos, 32.000 para ser mais preciso.

Mick Farrell e Cliff Haynes desenvolveram uma câmera analógica que cria fotografias fragmentadas que me lembram muito o que vejo no pontilhismo. Mas o que mais me chamou a atenção nesse projeto é o fato dessa câmera analógica ser feita de milhares de canudinhos, 32.000 para ser mais preciso.

Mick Farrell e Cliff Haynes desenvolveram uma câmera analógica que cria fotografias fragmentadas que me lembram muito o que vejo no pontilhismo. Mas o que mais me chamou a atenção nesse projeto é o fato dessa câmera analógica ser feita de milhares de canudinhos, 32.000 para ser mais preciso.

Mick Farrell e Cliff Haynes desenvolveram uma câmera analógica que cria fotografias fragmentadas que me lembram muito o que vejo no pontilhismo. Mas o que mais me chamou a atenção nesse projeto é o fato dessa câmera analógica ser feita de milhares de canudinhos, 32.000 para ser mais preciso.

Mick Farrell e Cliff Haynes desenvolveram uma câmera analógica que cria fotografias fragmentadas que me lembram muito o que vejo no pontilhismo. Mas o que mais me chamou a atenção nesse projeto é o fato dessa câmera analógica ser feita de milhares de canudinhos, 32.000 para ser mais preciso.

Cada fotografia que você vê nesse artigo tem cerca de 25 centímetros de largura e é composta de milhares de canudinhos que tem um pouco mais de 2 centímetros de largura. Como cada canudinho tem sua própria densidade, cada fotografia acaba se tornando um pouco única devido a forma com a qual a luz interage com cada um dos pequenos elementos dessa peculiar câmera analógica.

O resultado final é sempre uma fotografia repleta de pontos, em um estilo bem fragmentado e que se assemelha muito a baixa resolução das televisões antigas. Algo completamente diferente daquilo que vemos hoje, nesse mundo de resoluções de ultra definição. A ideia de Mick Farrell e Cliff Haynes era de ir contra a isso e criar um trabalho que questione o quanto que nossa percepção de realidade é transitória.

Mick Farrell e Cliff Haynes desenvolveram uma câmera analógica que cria fotografias fragmentadas que me lembram muito o que vejo no pontilhismo. Mas o que mais me chamou a atenção nesse projeto é o fato dessa câmera analógica ser feita de milhares de canudinhos, 32.000 para ser mais preciso.

Mick Farrell e Cliff Haynes desenvolveram uma câmera analógica que cria fotografias fragmentadas que me lembram muito o que vejo no pontilhismo. Mas o que mais me chamou a atenção nesse projeto é o fato dessa câmera analógica ser feita de milhares de canudinhos, 32.000 para ser mais preciso.

Mick Farrell e Cliff Haynes desenvolveram uma câmera analógica que cria fotografias fragmentadas que me lembram muito o que vejo no pontilhismo. Mas o que mais me chamou a atenção nesse projeto é o fato dessa câmera analógica ser feita de milhares de canudinhos, 32.000 para ser mais preciso.

Mick Farrell e Cliff Haynes desenvolveram uma câmera analógica que cria fotografias fragmentadas que me lembram muito o que vejo no pontilhismo. Mas o que mais me chamou a atenção nesse projeto é o fato dessa câmera analógica ser feita de milhares de canudinhos, 32.000 para ser mais preciso.

Para saber mais sobre a câmera analógica criada por Mick Farrell e Cliff Haynes, você só precisa clicar no link abaixo.

Uma Câmera Analógica feita de Milhares de Canudinhos

Comentários

Powered by Facebook Comments

Tagged: , , , , , , , , ,