Pristina.org - Everything Design since 2005

A Profecia de Fabrice Monteiro FotografiaFelipe Tofani on 26/12/2016

Mostrando a poluição e o lixo que está destruindo o continente africano
Fabrice Monteiro começou sua carreira do outro lado das câmeras, como modelo, mas acabou mudando de direção e se tornou um fotógrafo renomado. Conheci seu trabalho através do projeto Prophecy que explora vários aspectos da vida e alguns dos problemas que existem na África.

Fabrice Monteiro começou sua carreira do outro lado das câmeras, como modelo, mas acabou mudando de direção e se tornou um fotógrafo renomado. Conheci seu trabalho através do projeto Prophecy que explora vários aspectos da vida e alguns dos problemas que existem na África.

A inspiração para essa série de fotos veio a crescente presença de lixo e poluição que Fabrice Monteiro notou em uma de suas viagens a África. Foi assim que ele passou a pensar em uma forma diferente de mostrar tudo que ele estava vendo ao seu redor.

Fabrice Monteiro começou sua carreira do outro lado das câmeras, como modelo, mas acabou mudando de direção e se tornou um fotógrafo renomado. Conheci seu trabalho através do projeto Prophecy que explora vários aspectos da vida e alguns dos problemas que existem na África.

Fabrice Monteiro começou sua carreira do outro lado das câmeras, como modelo, mas acabou mudando de direção e se tornou um fotógrafo renomado. Conheci seu trabalho através do projeto Prophecy que explora vários aspectos da vida e alguns dos problemas que existem na África.

Fabrice Monteiro começou sua carreira do outro lado das câmeras, como modelo, mas acabou mudando de direção e se tornou um fotógrafo renomado. Conheci seu trabalho através do projeto Prophecy que explora vários aspectos da vida e alguns dos problemas que existem na África.

Em Prophecy, Profecia em português, o lixo é incorporado na vestimenta e nas roupas usadas nas fotos. Misturando um pouco das religiões animistas com a poluição através de uma ilustração que combina tudo isso. Nesse projeto, Fabrice Monteiro acaba combinando tradição e arte ao tentar mostrar para o mundo um problema que não é todo mundo que parece conhecer. Dessa forma, podemos iniciar um diálogo que, no futuro, poderá a ajudar a resolver esse problema tão complexo que aflige tantos locais no continente africano.

Fabrice Monteiro tem suas raízes na Bélgica e no Benin e nunca foi muito artístico. Ele estudou engenharia na faculdade e acabou indo trabalha como modelo. Foi assim que ele aprendeu tudo que podia sobre fotografia e se lançou nessa carreira. Em 2007, ele conheceu e acabou ficando muito amigo do fotógrafo americano Alfonse Pagano que acabou ensinando muito do que Fabrice Monteiro sabe hoje em dia.

O fotógrafo trabalha muito bem na fronteira do fotojornalismo e da fotografia de moda, mas sua paixão é o retrato. É ali que ele consegue explorar o visual e sua sensibilidade. Além disso, ele gosta de explorar sua própria identidade, tendo sido criado entre a Europa e a África. Devido a essa experiência, ele acredita conseguir trabalhar sem preconceitos e sem clichês como você pode ver nas imagens que selecionei aqui. Fabrice Monteiro vive e trabalha em Dakar, no Senegal.

Fabrice Monteiro começou sua carreira do outro lado das câmeras, como modelo, mas acabou mudando de direção e se tornou um fotógrafo renomado. Conheci seu trabalho através do projeto Prophecy que explora vários aspectos da vida e alguns dos problemas que existem na África.

Fabrice Monteiro começou sua carreira do outro lado das câmeras, como modelo, mas acabou mudando de direção e se tornou um fotógrafo renomado. Conheci seu trabalho através do projeto Prophecy que explora vários aspectos da vida e alguns dos problemas que existem na África.

Fabrice Monteiro começou sua carreira do outro lado das câmeras, como modelo, mas acabou mudando de direção e se tornou um fotógrafo renomado. Conheci seu trabalho através do projeto Prophecy que explora vários aspectos da vida e alguns dos problemas que existem na África.

Fabrice Monteiro começou sua carreira do outro lado das câmeras, como modelo, mas acabou mudando de direção e se tornou um fotógrafo renomado. Conheci seu trabalho através do projeto Prophecy que explora vários aspectos da vida e alguns dos problemas que existem na África.

Fabrice Monteiro começou sua carreira do outro lado das câmeras, como modelo, mas acabou mudando de direção e se tornou um fotógrafo renomado. Conheci seu trabalho através do projeto Prophecy que explora vários aspectos da vida e alguns dos problemas que existem na África.

A Profecia de Fabrice Monteiro

Se você gostou do que viu aqui, você deveria seguir o blog no twitter ou seguir a revista digital do Pristina.org no Flipboard. Além disso, ainda temos nossa newsletter quase semanal.

Comentários

Powered by Facebook Comments

Tagged: , , , , , , , , , ,