Skip to content
Se você dá uma olhada no fantástico portfolio de Lauren Brevner, fica difícil de acreditar ela deve seu sucesso profissional ao Instagram. É sério isso. Tudo aconteceu depois de um ano trabalhando no Japão, sob a mentoria do designer Sin Nakayamal, ela resolveu seguir seu lado artístico. Sem saber direito por onde começar, ela foi direto para os três recursos que ela tinha a mão: a internet, a biblioteca e o instagram.
Pristina.org // Arte // Lauren Brevner: Arte Inspirada no Japão

Lauren Brevner: Arte Inspirada no Japão

  • Arte

Se você dá uma olhada no fantástico portfolio de Lauren Brevner, fica difícil de acreditar ela deve seu sucesso profissional ao Instagram. É sério isso. Tudo aconteceu depois de um ano trabalhando no Japão, sob a mentoria do designer Sin Nakayamal, ela resolveu seguir seu lado artístico. Sem saber direito por onde começar, ela foi direto para os três recursos que ela tinha a mão: a internet, a biblioteca e o instagram.

Usando os livros que ela encontrou, ela aprendeu os truques para fazer técnicas complicadas como folhear com ouro, pintar com resina e tintas acrílicas. O resultado desse processo você pode ver nas imagens que selecionei do seu portfólio logo abaixo.

Se você dá uma olhada no fantástico portfolio de Lauren Brevner, fica difícil de acreditar ela deve seu sucesso profissional ao Instagram. É sério isso. Tudo aconteceu depois de um ano trabalhando no Japão, sob a mentoria do designer Sin Nakayamal, ela resolveu seguir seu lado artístico. Sem saber direito por onde começar, ela foi direto para os três recursos que ela tinha a mão: a internet, a biblioteca e o instagram.

Se você dá uma olhada no fantástico portfolio de Lauren Brevner, fica difícil de acreditar ela deve seu sucesso profissional ao Instagram. É sério isso. Tudo aconteceu depois de um ano trabalhando no Japão, sob a mentoria do designer Sin Nakayamal, ela resolveu seguir seu lado artístico. Sem saber direito por onde começar, ela foi direto para os três recursos que ela tinha a mão: a internet, a biblioteca e o instagram.

Se você dá uma olhada no fantástico portfolio de Lauren Brevner, fica difícil de acreditar ela deve seu sucesso profissional ao Instagram. É sério isso. Tudo aconteceu depois de um ano trabalhando no Japão, sob a mentoria do designer Sin Nakayamal, ela resolveu seguir seu lado artístico. Sem saber direito por onde começar, ela foi direto para os três recursos que ela tinha a mão: a internet, a biblioteca e o instagram.

Born and raised in Vancouver, BC, Lauren Brevner grew up in a mixed heritage family rich with culture and inspiration. In 2009, she moved to Osaka, Japan in hopes of reconnecting with her roots. There, Lauren had the honour of apprenticing under renowned artist, Sin Nakayamal. It was through her mentor that she first began her work as an artist. Nakayamal was the inspiration that sparked her journey to self-taught fruition.

Se você dá uma olhada no fantástico portfolio de Lauren Brevner, fica difícil de acreditar ela deve seu sucesso profissional ao Instagram. É sério isso. Tudo aconteceu depois de um ano trabalhando no Japão, sob a mentoria do designer Sin Nakayamal, ela resolveu seguir seu lado artístico. Sem saber direito por onde começar, ela foi direto para os três recursos que ela tinha a mão: a internet, a biblioteca e o instagram.

Se você dá uma olhada no fantástico portfolio de Lauren Brevner, fica difícil de acreditar ela deve seu sucesso profissional ao Instagram. É sério isso. Tudo aconteceu depois de um ano trabalhando no Japão, sob a mentoria do designer Sin Nakayamal, ela resolveu seguir seu lado artístico. Sem saber direito por onde começar, ela foi direto para os três recursos que ela tinha a mão: a internet, a biblioteca e o instagram.

Se você dá uma olhada no fantástico portfolio de Lauren Brevner, fica difícil de acreditar ela deve seu sucesso profissional ao Instagram. É sério isso. Tudo aconteceu depois de um ano trabalhando no Japão, sob a mentoria do designer Sin Nakayamal, ela resolveu seguir seu lado artístico. Sem saber direito por onde começar, ela foi direto para os três recursos que ela tinha a mão: a internet, a biblioteca e o instagram.

The composition of her paintings explore mixed-media through the use of oil, acrylic, and resin. This unique technical style is combined with a collage of Japanese chiyogami, yuzen, and washi paper on wooden panels. Her influence originates from the stylistic elements of traditional Japanese art and culture. She aspires to reinvent the eloquent tradition of using gold and silver leaf in art.

Se você dá uma olhada no fantástico portfolio de Lauren Brevner, fica difícil de acreditar ela deve seu sucesso profissional ao Instagram. É sério isso. Tudo aconteceu depois de um ano trabalhando no Japão, sob a mentoria do designer Sin Nakayamal, ela resolveu seguir seu lado artístico. Sem saber direito por onde começar, ela foi direto para os três recursos que ela tinha a mão: a internet, a biblioteca e o instagram.

Se você dá uma olhada no fantástico portfolio de Lauren Brevner, fica difícil de acreditar ela deve seu sucesso profissional ao Instagram. É sério isso. Tudo aconteceu depois de um ano trabalhando no Japão, sob a mentoria do designer Sin Nakayamal, ela resolveu seguir seu lado artístico. Sem saber direito por onde começar, ela foi direto para os três recursos que ela tinha a mão: a internet, a biblioteca e o instagram.

Se você dá uma olhada no fantástico portfolio de Lauren Brevner, fica difícil de acreditar ela deve seu sucesso profissional ao Instagram. É sério isso. Tudo aconteceu depois de um ano trabalhando no Japão, sob a mentoria do designer Sin Nakayamal, ela resolveu seguir seu lado artístico. Sem saber direito por onde começar, ela foi direto para os três recursos que ela tinha a mão: a internet, a biblioteca e o instagram.

Lauren’s paintings primarily involve the interpretation of female portraiture. She plays with polychromatic layers; the figures within it existing in surreal and isometric spheres. The women embody strength and femininity through sombre silence. Their gaze a myriad narrative. Lauren Brevner seeks to create a commentary on the subject of women and their depiction in art throughout the ages. Her portrayal of women serves to empower rather than objectify: a reflection of the vitality of sensuality over sexuality.

Se você dá uma olhada no fantástico portfolio de Lauren Brevner, fica difícil de acreditar ela deve seu sucesso profissional ao Instagram. É sério isso. Tudo aconteceu depois de um ano trabalhando no Japão, sob a mentoria do designer Sin Nakayamal, ela resolveu seguir seu lado artístico. Sem saber direito por onde começar, ela foi direto para os três recursos que ela tinha a mão: a internet, a biblioteca e o instagram.

Se você dá uma olhada no fantástico portfolio de Lauren Brevner, fica difícil de acreditar ela deve seu sucesso profissional ao Instagram. É sério isso. Tudo aconteceu depois de um ano trabalhando no Japão, sob a mentoria do designer Sin Nakayamal, ela resolveu seguir seu lado artístico. Sem saber direito por onde começar, ela foi direto para os três recursos que ela tinha a mão: a internet, a biblioteca e o instagram.

Lauren Brevner é uma artista que usa de várias técnicas para criar suas imagens. Imagens essas que acabam sendo, quase que totalmente, compostas de retratos de mulheres repletos de referências a cultura japonesa e oriental. A artista canadense nasceu em uma família em Vancouver e imigrou para Osaka para se aproximar das suas raízes orientais. Foi essa mudança que serviu como uma das maiores influências para ela chegar onde está agora.

Lauren Brevner usa tintas acrílicas e a óleo sobre madeira, decoradas com dezenas de materiais tradicionais japoneses como chiyogami, yuzen e o papel washi.

Se você gostou do trabalho inspirado pelos temas japoneses de Lauren Brevner, dê uma olhada nos seus trabalhos pelas redes sociais como instagram, facebook e tumblr.

A arte Inspirada nos temas do Japão de Lauren Brevner

Leave a Reply

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.