Skip to content
O fotógrafo russo Dmitry Kokh capturou uma série de fotos fascinantes onde ursos polares exploram um dos prédios abandonados de uma estação meteorológica em uma ilha isolada, entre a Rússia e os Estados Unidos.
Pristina.org // Fotografia // A Casa dos Ursos na fotografia de Dmitry Kokh

A Casa dos Ursos na fotografia de Dmitry Kokh

O fotógrafo russo Dmitry Kokh capturou uma série de fotos fascinantes onde ursos polares exploram um dos prédios abandonados de uma estação meteorológica em uma ilha isolada, entre a Rússia e os Estados Unidos.

As fotos que você verá aqui foram tiradas em setembro de 2021, enquanto Dmitry Kokh viajava por algumas das ilhas no Mar de Chukchi, um dos lugares mais distantes e isolados do Ártico russo. Durante essa viagem, o fotógrafo percorreu mais de mil milhas de paisagens intocadas, vilarejos perdidos no tempo e mares cheios de vida.

O fotógrafo russo Dmitry Kokh capturou uma série de fotos fascinantes onde ursos polares exploram um dos prédios abandonados de uma estação meteorológica em uma ilha isolada, entre a Rússia e os Estados Unidos.

O fotógrafo russo Dmitry Kokh capturou uma série de fotos fascinantes onde ursos polares exploram um dos prédios abandonados de uma estação meteorológica em uma ilha isolada, entre a Rússia e os Estados Unidos.

O fotógrafo russo Dmitry Kokh capturou uma série de fotos fascinantes onde ursos polares exploram um dos prédios abandonados de uma estação meteorológica em uma ilha isolada, entre a Rússia e os Estados Unidos.

Durante essa viagem, um dos objetivos que Dmitry Kokh tinha era a de documentar ursos polares já que essa expedição teve como foco inicial a Ilha Wrangel famosa por ser um local para a observação de ursos polares. No entanto, devido a um verão um pouco mais frio do que o normal, os ursos acabaram não indo para essa ilha.

Foi só quando a expedição chegou a Ilha de Koyuchin que o fotógrafo conseguiu perceber um estranho movimento nas janelas de alguns dos prédios abandonados no local, de quando a ilha ainda servia como uma estação meteorológica.

Dmitry Kokh afirma que nunca havia observado ursos polares nas construções abandonadas nessa ilha. E olha que esses prédios estão lá há tempos, construídos na década de 1930 e abandonados com a queda da União Soviética, no início dos anos noventa.

O mais interessante das fotos que Dmitry Kokh tirou dos ursos é como que ele conseguiu chegar perto desses enormes animais e capturou momentos que nunca havia visto antes. Principalmente aqueles onde ursos polares olham casualmente pelas janelas das estruturas abandonadas.

O fotógrafo russo Dmitry Kokh capturou uma série de fotos fascinantes onde ursos polares exploram um dos prédios abandonados de uma estação meteorológica em uma ilha isolada, entre a Rússia e os Estados Unidos.

O fotógrafo russo Dmitry Kokh capturou uma série de fotos fascinantes onde ursos polares exploram um dos prédios abandonados de uma estação meteorológica em uma ilha isolada, entre a Rússia e os Estados Unidos.

O fotógrafo russo Dmitry Kokh capturou uma série de fotos fascinantes onde ursos polares exploram um dos prédios abandonados de uma estação meteorológica em uma ilha isolada, entre a Rússia e os Estados Unidos.

O fotógrafo russo Dmitry Kokh capturou uma série de fotos fascinantes onde ursos polares exploram um dos prédios abandonados de uma estação meteorológica em uma ilha isolada, entre a Rússia e os Estados Unidos.

O fotógrafo russo Dmitry Kokh capturou uma série de fotos fascinantes onde ursos polares exploram um dos prédios abandonados de uma estação meteorológica em uma ilha isolada, entre a Rússia e os Estados Unidos.

 

View this post on Instagram

 

A post shared by Dmitry Kokh (@master.blaster)

Se você quer ver mais dessa série de fotos fenomenais, você só precisa clicar no link abaixo e ir direto para o portfólio do fotógrafo. Além disso, seu Instagram é repleto de belíssimas imagens de natureza que você vai adorar ver.

A Casa dos Ursos na fotografia de Dmitry Kokh

Se você gostou do que viu aqui, você deveria seguir o blog no twitter ou seguir a revista digital do Pristina.org no Flipboard. Além disso, ainda temos nossa newsletter quase semanal.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.