Tudo começou para Jake Weidmann na escola quando ele observava seus colegas de classe utilizando computadores e notebooks para anotar tudo que era passado nas aulas. Enquanto eles faziam isso, Jake Weidmann fazia suas anotações de um jeito mais tradicional, usando papel e caneta. Ele fazia isso por que precisava usar todas oportunidades para praticar sua caligrafia e foi isso que ele fez.
Pristina.org // Tipografia // Jake Weidmann, o mais Jovem Mestre da Caligrafia

Jake Weidmann, o mais Jovem Mestre da Caligrafia

Tudo começou para Jake Weidmann na escola quando ele observava seus colegas de classe utilizando computadores e notebooks para anotar tudo que era passado nas aulas. Enquanto eles faziam isso, Jake Weidmann fazia suas anotações de um jeito mais tradicional, usando papel e caneta. Ele fazia isso por que precisava usar todas oportunidades para praticar sua caligrafia e foi isso que ele fez.

E ele fez isso tão bem que hoje, Jake Weidmann é um dos 12 Mestres da Caligrafia. Master Penman é o nome em inglês e apenas 12 pessoas em todo o mundo tem esse título. Um ponto interessante aqui é que Jake Weidmann é o mais novo Master Penman por, pelo menos, 3 décadas. Ou seja, ele ainda vai se tornar muito melhor.

No vídeo abaixo, você vai acompanhar uma conversa que o Jake Weidmann teve com o pessoal da Uproxx sobre seu processo, seu trabalho e sobre o uso delicado da caligrafia.

Tudo começou para Jake Weidmann na escola quando ele observava seus colegas de classe utilizando computadores e notebooks para anotar tudo que era passado nas aulas. Enquanto eles faziam isso, Jake Weidmann fazia suas anotações de um jeito mais tradicional, usando papel e caneta. Ele fazia isso por que precisava usar todas oportunidades para praticar sua caligrafia e foi isso que ele fez.

Tudo começou para Jake Weidmann na escola quando ele observava seus colegas de classe utilizando computadores e notebooks para anotar tudo que era passado nas aulas. Enquanto eles faziam isso, Jake Weidmann fazia suas anotações de um jeito mais tradicional, usando papel e caneta. Ele fazia isso por que precisava usar todas oportunidades para praticar sua caligrafia e foi isso que ele fez.

Tudo começou para Jake Weidmann na escola quando ele observava seus colegas de classe utilizando computadores e notebooks para anotar tudo que era passado nas aulas. Enquanto eles faziam isso, Jake Weidmann fazia suas anotações de um jeito mais tradicional, usando papel e caneta. Ele fazia isso por que precisava usar todas oportunidades para praticar sua caligrafia e foi isso que ele fez.

Tudo começou para Jake Weidmann na escola quando ele observava seus colegas de classe utilizando computadores e notebooks para anotar tudo que era passado nas aulas. Enquanto eles faziam isso, Jake Weidmann fazia suas anotações de um jeito mais tradicional, usando papel e caneta. Ele fazia isso por que precisava usar todas oportunidades para praticar sua caligrafia e foi isso que ele fez.

Tudo começou para Jake Weidmann na escola quando ele observava seus colegas de classe utilizando computadores e notebooks para anotar tudo que era passado nas aulas. Enquanto eles faziam isso, Jake Weidmann fazia suas anotações de um jeito mais tradicional, usando papel e caneta. Ele fazia isso por que precisava usar todas oportunidades para praticar sua caligrafia e foi isso que ele fez.

Tudo começou para Jake Weidmann na escola quando ele observava seus colegas de classe utilizando computadores e notebooks para anotar tudo que era passado nas aulas. Enquanto eles faziam isso, Jake Weidmann fazia suas anotações de um jeito mais tradicional, usando papel e caneta. Ele fazia isso por que precisava usar todas oportunidades para praticar sua caligrafia e foi isso que ele fez.

I am a professional artist and certified Master Penman who lives and works in Denver, Colorado. I received my Master Penman certificate through The International Association of Master Penmen, Engrossers and Teachers of Handwriting (IAMPETH) in July of 2011. I work across numerous mediums in art and calligraphy and I am most well-known for my use of flourishing and hand lettering in the context of my art pieces.

Estranho que eu nunca tenha publicado o trabalho do Jake Weidmann aqui antes já que acompanho ele no instagram tem um belo tempo.

Jake Weidmann, o mais Jovem Mestre da Caligrafia

Se você gostou do que viu aqui, você deveria seguir o blog no twitter, acompanhar nosso tumblr ou seguir a revista digital do Pristina.org no Flipboard.

via