Pristina.org - Everything Design since 2005

Os Murais, as Pinturas e a Arte de Piper Lewine ArteFelipe Tofani on 05/12/2017

Adorei os gatos da Piper Lewine
Piper Lewine é uma artista tão diversa e multi-facetada como a cidade que ela chama de casa, São Francisco. Seu trabalho é uma mistura de luzes e escuridão; honestidade e trapaça; e criação e destruição. Seu trabalho vive da dualidade e isso pode ter vindo direto do seu aprendizado auto-didata através das tags e da cultura de rua.

Piper Lewine é uma artista tão diversa e multi-facetada como a cidade que ela chama de casa, São Francisco. Seu trabalho é uma mistura de luzes e escuridão; honestidade e trapaça; e criação e destruição. Seu trabalho vive da dualidade e isso pode ter vindo direto do seu aprendizado auto-didata através das tags e da cultura de rua.

Foi nas ruas da Baia de São Francisco que ela fez seu nome. Foi lá que ela usou de uma variedade enorme de estilos para mostrar ao mundo sua arte e, dessa forma, acabou saindo das ruas para as galerias de arte. E Piper Lewine não para por ai. Além de suas pinturas e seus murais, ela é a essencial de uma banda que mistura cold-wave e scream-core chamada Tropical City.

Inicialmente, eu observei o trabalho de Piper Lewine e achei um pouco inesperado. Mas, depois de uma análise mais profunda, acabei mudando de opinião e passando a apreciar suas criações. Ela quer criar algo interessante, algo divertido e que expanda seus horizontes e, acredito que, dê para ver isso muito bem nas imagens que selecionei aqui.

Piper Lewine é uma artista tão diversa e multi-facetada como a cidade que ela chama de casa, São Francisco. Seu trabalho é uma mistura de luzes e escuridão; honestidade e trapaça; e criação e destruição. Seu trabalho vive da dualidade e isso pode ter vindo direto do seu aprendizado auto-didata através das tags e da cultura de rua.

Piper Lewine é uma artista tão diversa e multi-facetada como a cidade que ela chama de casa, São Francisco. Seu trabalho é uma mistura de luzes e escuridão; honestidade e trapaça; e criação e destruição. Seu trabalho vive da dualidade e isso pode ter vindo direto do seu aprendizado auto-didata através das tags e da cultura de rua.

Piper Lewine é uma artista tão diversa e multi-facetada como a cidade que ela chama de casa, São Francisco. Seu trabalho é uma mistura de luzes e escuridão; honestidade e trapaça; e criação e destruição. Seu trabalho vive da dualidade e isso pode ter vindo direto do seu aprendizado auto-didata através das tags e da cultura de rua.

Piper Lewine é uma artista tão diversa e multi-facetada como a cidade que ela chama de casa, São Francisco. Seu trabalho é uma mistura de luzes e escuridão; honestidade e trapaça; e criação e destruição. Seu trabalho vive da dualidade e isso pode ter vindo direto do seu aprendizado auto-didata através das tags e da cultura de rua.

Piper Lewine é uma artista tão diversa e multi-facetada como a cidade que ela chama de casa, São Francisco. Seu trabalho é uma mistura de luzes e escuridão; honestidade e trapaça; e criação e destruição. Seu trabalho vive da dualidade e isso pode ter vindo direto do seu aprendizado auto-didata através das tags e da cultura de rua.

Piper Lewine é uma artista tão diversa e multi-facetada como a cidade que ela chama de casa, São Francisco. Seu trabalho é uma mistura de luzes e escuridão; honestidade e trapaça; e criação e destruição. Seu trabalho vive da dualidade e isso pode ter vindo direto do seu aprendizado auto-didata através das tags e da cultura de rua.

Piper Lewine é uma artista tão diversa e multi-facetada como a cidade que ela chama de casa, São Francisco. Seu trabalho é uma mistura de luzes e escuridão; honestidade e trapaça; e criação e destruição. Seu trabalho vive da dualidade e isso pode ter vindo direto do seu aprendizado auto-didata através das tags e da cultura de rua.

Piper Lewine é uma artista tão diversa e multi-facetada como a cidade que ela chama de casa, São Francisco. Seu trabalho é uma mistura de luzes e escuridão; honestidade e trapaça; e criação e destruição. Seu trabalho vive da dualidade e isso pode ter vindo direto do seu aprendizado auto-didata através das tags e da cultura de rua.

Piper Lewine é uma artista tão diversa e multi-facetada como a cidade que ela chama de casa, São Francisco. Seu trabalho é uma mistura de luzes e escuridão; honestidade e trapaça; e criação e destruição. Seu trabalho vive da dualidade e isso pode ter vindo direto do seu aprendizado auto-didata através das tags e da cultura de rua.

Piper Lewine é uma artista tão diversa e multi-facetada como a cidade que ela chama de casa, São Francisco. Seu trabalho é uma mistura de luzes e escuridão; honestidade e trapaça; e criação e destruição. Seu trabalho vive da dualidade e isso pode ter vindo direto do seu aprendizado auto-didata através das tags e da cultura de rua.

Piper Lewine é uma artista tão diversa e multi-facetada como a cidade que ela chama de casa, São Francisco. Seu trabalho é uma mistura de luzes e escuridão; honestidade e trapaça; e criação e destruição. Seu trabalho vive da dualidade e isso pode ter vindo direto do seu aprendizado auto-didata através das tags e da cultura de rua.

Piper Lewine acredita que a vida pode ser uma grande merda e, por isso mesmo, qualquer momento de luz e brilho deve ser apreciado de uma forma mais do que preciosa. Algumas vezes, esses momentos de luz vem das coisas pequenas, como a sensação que você tem quando acorda e sabe que vai fazer o que você quer naquele dia. É isso que deixa a artista feliz e ela tenta refletir isso nas suas pinturas, seus murais, sua arte.

Se você gostou do trabalho de Piper Lewine que viu aqui, você deve dar uma lida na entrevista que ela deu para a revista Juxtapoz. Além disso, você ainda deveria acompanhar o que ela publica no facebook e seu portfólio que pode ser visto logo abaixo.

Os Murais, as Pinturas e a Arte de Piper Lewine

Se você gostou do que viu aqui, você deveria seguir o blog no twitter, acompanhar nosso tumblr ou seguir a revista digital do Pristina.org no Flipboard. Além disso, ainda temos nossa newsletter quase semanal.

Comentários

Powered by Facebook Comments

Tagged: , , , , , , , , , , , ,