Skip to content
O nome desse pavilhão pode ser traduzido como Raios Filtrados e se torna um espaço iluminado a beira da água que incentiva as pessoas a ver o mundo de um jeito um pouco diferente. A ideia da designer foi a de criar um espaço que pudesse unir as pessoas através de uma experiência meditativa e reflexiva. Isso foi feito através de uma combinação de cones coloridos em diversas camadas, com a intenção de criar um filtro para a visão do exterior.
Pristina.org // Arquitetura // Filtered Rays de Yinka Ilori em Berlim

Filtered Rays de Yinka Ilori em Berlim

Filtered Rays é o nome de um pavilhão colorido criado pela designer londrina Yinka Ilori em Berlim como espaço de eventos para o Hotel Estrel, aqui na Alemanha.

Localizado às margens do Neuköllner Schifffahrtskanal, esse pavilhão é uma das mais recentes intervenções públicas criadas pela designer que, recentemente, trabalhou em um skatepark em Miami e uma passagem de pedestres em Londres.

Filtered Rays é o nome de um pavilhão colorido criado pela designer londrina Yinka Ilori como espaço de eventos para o Hotel Estrel Berlim, aqui na Alemanha.

Filtered Rays é o nome de um pavilhão colorido criado pela designer londrina Yinka Ilori como espaço de eventos para o Hotel Estrel Berlim, aqui na Alemanha.

Filtered Rays é o nome de um pavilhão colorido criado pela designer londrina Yinka Ilori como espaço de eventos para o Hotel Estrel Berlim, aqui na Alemanha.

O nome desse pavilhão pode ser traduzido como Raios Filtrados e se torna um espaço iluminado a beira da água que incentiva as pessoas a ver o mundo de um jeito um pouco diferente. A ideia da designer foi a de criar um espaço que pudesse unir as pessoas através de uma experiência meditativa e reflexiva. Isso foi feito através de uma combinação de cones coloridos em diversas camadas, com a intenção de criar um filtro para a visão do exterior.

O pavilhão foi feito propositalmente colorido, para Yinka Ilori, as cores tem muitos usos na arquitetura e nos espaços por onde andamos. Além disso, a designer acredita que o bom uso das cores pode ajudar a melhorar qualquer experiência e a sua saúde mental.

O Filtered Rays foi projetado como um pavilhão permanente para o Hotel Estrel Berlim. Porém, Yinka Ilori acabou optando por desenvolver o projeto de forma desmontável para que todo o local pudesse ser desmontado e transportado para outro local.

O nome desse pavilhão pode ser traduzido como Raios Filtrados e se torna um espaço iluminado a beira da água que incentiva as pessoas a ver o mundo de um jeito um pouco diferente. A ideia da designer foi a de criar um espaço que pudesse unir as pessoas através de uma experiência meditativa e reflexiva. Isso foi feito através de uma combinação de cones coloridos em diversas camadas, com a intenção de criar um filtro para a visão do exterior.

O nome desse pavilhão pode ser traduzido como Raios Filtrados e se torna um espaço iluminado a beira da água que incentiva as pessoas a ver o mundo de um jeito um pouco diferente. A ideia da designer foi a de criar um espaço que pudesse unir as pessoas através de uma experiência meditativa e reflexiva. Isso foi feito através de uma combinação de cones coloridos em diversas camadas, com a intenção de criar um filtro para a visão do exterior.

O nome desse pavilhão pode ser traduzido como Raios Filtrados e se torna um espaço iluminado a beira da água que incentiva as pessoas a ver o mundo de um jeito um pouco diferente. A ideia da designer foi a de criar um espaço que pudesse unir as pessoas através de uma experiência meditativa e reflexiva. Isso foi feito através de uma combinação de cones coloridos em diversas camadas, com a intenção de criar um filtro para a visão do exterior.

O nome desse pavilhão pode ser traduzido como Raios Filtrados e se torna um espaço iluminado a beira da água que incentiva as pessoas a ver o mundo de um jeito um pouco diferente. A ideia da designer foi a de criar um espaço que pudesse unir as pessoas através de uma experiência meditativa e reflexiva. Isso foi feito através de uma combinação de cones coloridos em diversas camadas, com a intenção de criar um filtro para a visão do exterior.

O nome desse pavilhão pode ser traduzido como Raios Filtrados e se torna um espaço iluminado a beira da água que incentiva as pessoas a ver o mundo de um jeito um pouco diferente. A ideia da designer foi a de criar um espaço que pudesse unir as pessoas através de uma experiência meditativa e reflexiva. Isso foi feito através de uma combinação de cones coloridos em diversas camadas, com a intenção de criar um filtro para a visão do exterior.

Visitei o local há poucos dias durante uma pedalada pelo bairro onde moro e achei estranho deparar-me com esse pavilhão colorido no meio de uma área não muito habitada do bairro. O Filtered Rays está localizado na beira de numa região onde a expansão de um círculo rodoviário anda a ser construído e a região está coberta de tapumes e em obras há anos.

Além disso, a região onde esse pavilhão foi feita parece ser o novo alvo da gentrificação local, já que a área foi recentemente tomada por projetos imobiliários de coworking spaces e os empreendimentos locais como Griessmühle foram fechados.

Dessa forma, eu vejo o Filtered Rays de Yinka Ilori como um exemplo de design sendo usado para convencer as pessoas de que a gentrificação causada pela exploração imobiliária vai ser boa para alguns, já que vem com objetos brilhantes que vão fazer sucesso no Instagram.

Filtered Rays de Yinka Ilori em Berlim

Se você gostou do que viu aqui, você deveria seguir o blog no twitter ou seguir a revista digital do Pristina.org no Flipboard. Além disso, ainda temos nossa newsletter quase semanal.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.